quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Sobre as interrogações.




Sempre fui de querer demais. Pessoas assim acabam também esperando demais. Deve ser por isso que tudo parece pequeno para mim. Pouco, insuficiente. E às vezes, vazio. Hoje quero uma direção. A certa, por favor. Na realidade eu queria certezas, odeio dúvidas e confusões na minha cabeça. E me sinto assim, perdida. Perco o sono, perco a paciência, perco a noção, perco o senso, perco mais, perco tudo, me perco.

Pego os sentimentos, as coisas bonitas, as feias, os fatos, os fardos, e penso. Repenso. Olho para o lado, para o outro, imagino, reflito, peso, meço, e não encontro saída. Aliás, saída tem, muitas, incontáveis, infinitas. Então me diz, qual a melhor? Qual decisão tomar? Qual rumo? Qual é a estrada menos esburacada? Qual é o caminho que vai causar menos danos e prantos?

Respostas, cadê vocês? De uma vez por todas, apareçam. Preciso tanto, mas tanto que vocês dêem o ar da graça. Me perdi, alguém aí me acha? Alguém aí me ajuda a me procurar? Estou com saudades de mim, daquela menina bem resolvida, sorridente e de coração leve. O que há de errado? Qual é o meu problema? Onde estou? Quem é você, quem sou eu? O que eu quero? O que significa a vida, o mundo e as pessoas? Aonde vim parar, para onde estou indo?

Interrogações transbordam, sufocam, e isso é cansativo. Demais até. Tudo bem, eu sei que não há nada melhor que o tempo para colocar tudo no seu devido lugar. Sei, sei, sei. Além do mais, sei também que tudo passa, tudo se resolve e a vida continua. Bingo! Mas vem cá, quanto tempo demora o tempo? Vai demorar? Estou na sala de espera. Tic, tac, tic, tac...






Karine Melo.

58 comentários:

  1. O relógio é nosso inimigo em relação a isso... esperaos anciosas para que o tempo passa e tudo mude... mas ele passa lentamente rastreando todo sentimento.

    :*

    ResponderExcluir
  2. Já eu sou ao contrario. Sempre esperei o menos. ACho que isso tem haver com pessimismo. E pessimista e impaciente são caracteristicas minhas. =S
    Adorei o texto!
    :3

    ResponderExcluir
  3. eu tb, sempre quero mais, mais e mais!.. =/

    adorei o texto.;*

    ResponderExcluir
  4. Essa espécie de caos às vezes paira sobre o nosso pensamento e coração,quando me sinto assim é algo estranho e a incerteza machuca a nós e também aos outros.

    O tempo, esse é o único remédio mesmo, porém esse remédio não tem data de quando fará efeito.

    Sofro com isso também, no momento ando dessa maneira, sendo inconstante, por esperar tanto hoje sinto esperar nada, há um vazio, logo passa e isso ao menos dá esperança de prosseguir...

    Adorei sobre o tema que tratou, precisava ler algo que falasse sobre isso, pois me sinto assim :/

    Bjos.
    Boa Tarde!

    ResponderExcluir
  5. Não há ninguém que não tenha dúvidas. Além disso tenho para mim que são a incerteza e dúvida que nos forçam a procurar soluções, a ir em busca do equilíbrio. Mas você sabe isso, claro.

    beijo :)

    ResponderExcluir
  6. Quem não se sente assim em dado momento
    da vida !?
    Momento "saco cheio" , ... Rsrs

    A resposta você mesma já deu , agora é ficar
    no Tic Tac e torcer pra que o Tictaquear
    seja rápido.


    Bjo Grande !

    ResponderExcluir
  7. Se esvaziar pra depois se encher. Melhor forma de fazer, se saber, de entender.

    ResponderExcluir
  8. Oi Karine...texto muito interessante...e tb reflexivo...grande escritora!

    E assim diz Adélia Prado:“Dor não tem nada a ver com amargura. / Acho que tudo que acontece / é feito pra gente aprender cada vez mais, / é pra ensinar a gente a viver. Desdobrável. / Cada dia mais rica de humanidade”

    bjos querida!

    Zil

    ResponderExcluir
  9. me sinto muitas vezes assim, mas sempre acho uma solução.
    beeijos chará ;*

    ResponderExcluir
  10. Essa bateu na trave, a não ser pelo ultimo parágrafo, daí machucou!
    Olhando pela sua ótica e interpretando pela minha, encontrei ingredientes indigestos como “tempo”, “comodismo” e uma brusca sensação de que você está sendo absorvida pelo marasmo. Por favor, não se deixe “crescer” e saia correndo dessa sala de espera porque muita gente precisa do seu talento navegando e não ancorado.

    O Forasteiro

    ResponderExcluir
  11. Olá rs qto mais nos sentimos perdidos, mais temos a noção do que é a vida, é do lado de fora que vemos as janelas do templo, agora, SER a luz é dom da vida, abraços

    ResponderExcluir
  12. Às vezes penso da mesma forma.
    Algumas respostas vêm com ganhos e perdas...
    Outras com o tempo...
    Há respostas que não merecemos tê-las...
    E outras, ainda, que simplesmente nunca virão...
    Por muitas vezes troquei 1 única resposta por mais 4 dúvidas...
    Ótimo texto! ^^

    ResponderExcluir
  13. Nunca estamos satisfeitos com nada, queremos mais e mais e nessa busca pelo mais acabamos nos perdendo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Também as vezes fico assim esperar demais das outras pessoas , mas até disso cansei!

    Bjss , boa sexta queridaaa!
    *.*

    ResponderExcluir
  15. amei esse texto
    da uma passadinha la no meu blog....
    tem textos da sua utoria la...
    os que mais me chamam atenção.
    admiro muito seus textos.
    beijinhos e boa semana.

    ResponderExcluir
  16. As respostas nunca são fáceis de se encontrar e eu já me acostumei com isso. Em minha mente as certezas são pouquíssimas.
    Quem vai ter q se achar é você mesma, mas no cmainho vai aprender mt cois
    amei o texto
    bjs

    ResponderExcluir
  17. O tempo voa e as respostas surgem quando aprendemos a olhar mais para dentro e enxergar o mundo com outros olhos, não é nada fácil nem tão difícil. A vida é um grande paradoxo.

    Beijos, querida!

    Encontre as suas respostas e voe nas asas do tempo!

    ResponderExcluir
  18. Ah! A Espera...

    "As vezes – tantas vezes – sonho
    onde mora o teu rosto,
    onde começa a tua voz…
    Não sei quando irei olhar-te;
    Mas permaneço preso à tua grata lembrança
    que continua a gritar-me lá do sonho
    palavras que recusam o esquecimento
    e acendem a noite de desejos.

    Sei que não há olhos para o invisível,
    mas continua cada vez mais viva
    esta cegueira incandescente,
    que há-de tornar a noite transparente
    para que eu possa tocar um raio de luz
    que brota dos teus olhos…"

    (Albino Santos)


    Bjs no core amada,
    ótimo fim de semana.
    Mih

    ResponderExcluir
  19. Quantas vezes já me senti assim. Por esperar demais dos outros, por depositar confiança demais nas pessoas. E até por achar que vou receber das pessoas o que eu oferecer. E pessoas não são iguais. O melhor é se esvaziar de tudo que nos incomoda, nos faz mal, nos diminui, de tudo que é negativo. E nos encher de tudo que for bom, que nos faz bem, melhores e maiores, guardar somente o que for positivo. Bom fim de semana pra ti. Beijos.

    ResponderExcluir
  20. As dúvidas nos movem. Pra um lado escuro ou para algum lugar que nos traga luz à mente, não importa. A verdade é que sem elas as respostas simplesmente não seriam descobertas. É, demora mesmo. Mas não se preocupa. Ofereço companhia pra dinamizar a espera na varanda.

    Beijos linda.

    Lindo texto...lindo mesmo =)

    ResponderExcluir
  21. Olá Karine,
    Belo post! Já sofri desse "mal"... "Querer demais...esperar demais"! Hoje não espero muito, e recebo mais que o suficiente..rs..
    Tenha um ótimo Domingo!
    Abração,
    Flávio Nunes.

    ResponderExcluir
  22. Esperamos, aguardamos, sonhamos.. mas também
    corremos, nos entregamos e fazemos surpresas a alguém...
    Faz parte, essa conexão de desejos e entrega
    que nos liberta do ócio e recicla nossa alma..

    bjao:)

    ResponderExcluir
  23. "Sempre fui de querer demais. Pessoas assim acabam também esperando demais. Deve ser por isso que tudo parece pequeno para mim." Exatamente o que tenho sentido...

    Parabéns Karine! Texto lindo!

    ResponderExcluir
  24. Quanto mais esperamos o tempo passar,mais ele demora...e acabamos vendo a vida ir embora rápido de mais.

    Bjos querida

    ResponderExcluir
  25. Qustionamentos, tenho todos esses em minha cabeça.
    Há momentos que me perco, outros em que acho que me encontro.
    Esperar é a melhor maneira, mas ter paciência só os sabios conseguem.

    Quem sabe num futuro proximo ou distante eu consiga ser assim.

    Bastante Reflexivo teu texto Ka.
    Sou adimirador de tuas palavras.

    Beijão

    ResponderExcluir
  26. dizem por ai que o mundo é movido pelas perguntas e não por respostas...
    beijo!

    ResponderExcluir
  27. Sou bem assim, não tem como negar, o ruim é q esperamos mt dos outros e a gente acaba se machucando demais. Temos essa mania besta de projetar.

    :*

    ResponderExcluir
  28. Passando pra deixar BjO e dizer
    que sinto saudade ...

    ResponderExcluir
  29. karine sempre acompanho aqui o seu blog, e é incrível como vc sempre tem as palavras certas pra se encaixar com o que eu preciso... sabe esse texto das interrogações, parece q sou eu... a minha vida tá assim, louca por respostas, indefinida, perdida, e talvez tenha q voltar pra casa me sentindo derrotada. enfim, parabéns, vc me emociona sempre.
    bjus

    ResponderExcluir
  30. tenho um selo no meu blog para ti querida ( :

    ResponderExcluir
  31. Semear interrogações minha flor, ajuda-nos a nos conhecer, e é o conhecer a si mesmo qu ensina o superar. Já passei inumera vezes por épocas assim minha flor,e oque podes ter mesmo certeza é de que vai passar.E jádizia a Clarice, talvez perder-se seja o maior caminho, permita se reencontrar.

    Recebe Meu abraço, meu carinho....viu!

    Erikah

    ResponderExcluir
  32. Me identifiquei com o texto e com o blog.
    Mas na vida, o que nos move, são essas perguntas. Elas que dão sentido à grande façanha que é viver!

    Tô te seguindo. =)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  33. nossa, adorei! bem o que penso, é como você tivesse usado as palavras que ainda não exprimi. ótimo, beijos e que cheguem as respostas, de preferência via sedex que é mais rápido.

    ResponderExcluir
  34. tenho um selinho á tua espera no meu blog (:

    ResponderExcluir
  35. Olá! Tem presentinho pra vc lá no blog:
    http://michele-dos-santos.blogspot.com/2010/10/um-beijo-paulinha.html
    Espero que goste. Repasso com carinho a quem sigo, pois são merecedores do selinho.
    Bjs e ótimo REcomeço de semana.
    Mih

    ResponderExcluir
  36. nuss, quase não caibo nos teus comentarios. rs.. mto bom eu texto. adorei.

    ResponderExcluir
  37. texto lindo!
    seu blog é mt legal,parabens *-*
    segue lá o meu se gostar ? www.likesosweet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  38. Oi querida, td bem? Amei teu blog. Tô seguindo.


    Meu blog - >> http://doce-meio-amargo.blogspot.com/


    bjos no coração


    Nina

    ResponderExcluir
  39. Será que você espera por esse nascer de sol ou vai fazer da noite a sua primeira inspiração?

    ResponderExcluir
  40. Saudades de você, Karine!
    Volta logo!

    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  41. Sumiu Guria?
    Gosto daqui, mas se vc sumir eu tb sumo!
    O Forasteiro

    ResponderExcluir
  42. Você se supera a cada texto. Parabéns, Karine. Adorei! (:

    ResponderExcluir
  43. "Sempre fui de querer demais. Pessoas assim acabam também esperando demais. Deve ser por isso que tudo parece pequeno para mim. Pouco, insuficiente. E às vezes, vazio. Hoje quero uma direção"

    Logo no início e eu já me encontrei completamente. É assim que estou e não consigo traduzir, mas tu me escreveste. Lindo.

    =*

    ResponderExcluir
  44. HI friend, could you exchange link?my site is new, hope you dont mind

    here is my site

    http://teagay.blogspot.com/

    http://gayfinders.blogspot.com/

    teagay

    ResponderExcluir
  45. Que confusão na mente, hein?
    Nem me fale... A minha também anda a mil.
    Gostei muito do blog. Twittei uma frase e dei os devidos créditos.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  46. Sentindo falta dos seus posts,Karine.Espero que esteja bem =)

    Um beijo e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  47. Olá, Karine... tudo bem?
    Olha, estou passando aqui pra dizer que gostei muito do seu Blog.
    Parabéns pelo trabalho, pelo bom gosto, conteúdo e por sua sensibilidade.
    Estou seguindo.
    Saudações,
    EDU (http://edurjedu.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  48. Eu me vi nesse texto a cada segundo.
    A verdade é que não existem verdades.
    A busca incessante, a viagem demorada de chegar a algum lugar que a gente nunca sabe se já é.
    Me vi tanto nisto aí, nisto tudo.
    em toda essa confusão que nos gasta o ânimo e faz nosso sorriso virar pó...some tudo e volta tudo,quando a gente esquece de lembrar de pensar.
    "Enquanto tiver perguntas e não houver respostas, continuarei a escrever" Clarice Lispector.
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  49. Oii

    adorei seu blog, estou te seguindo.Siga-me tb.

    bjss

    boa semana

    http://antene-semakeup.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  50. OLÁ KARINE! ADOREI SEU BLOG!!!
    VC CURTE ACESSÓRIOS?? PASSA NA MINHA BLOGSTORE http://signoritaccessori.blogspot.com/ COMENTA LÁ!
    BJO, DANI SIGNORI.

    ResponderExcluir
  51. tic tac tic tac...esse tempo não para e muitas perguntas acabam sem as devidas respostas.

    BeijoooO*

    ResponderExcluir
  52. A vida é uma interrogação.
    Porque nascemos? Porque sofremos ? Porque sorrimos? Porque amamos ? Porque a vida acaba ?

    Tudo é uma interrogação,que a resposta dada..é sempre do coração.
    Bjos querida

    ResponderExcluir
  53. O tempo demora o tempo que durar.
    E, realmente, querer demais normalmente também é esperar demais.

    Gostei do texto.

    Bjo

    ResponderExcluir